Rápido e Devagar: As duas formas de pensar

Pode parecer até Off-topic, mas esse excelente livro do Daniel Kahneman mostra que mesmo com todos os dados disponíveis para a tomada de decisão, o aspecto humano (Sistema 2 [1]) é o fiel da balança na tomada de decisões tendenciosas e errôneas.

É uma leitura não-técnica, que aplicada à área de mineração de dados prova que o homem ainda é o principal aspecto decisivo, mesmo que ele tenha a sua disposição os dados corretos que qualquer algoritmo possa gerar.

Notas
[1] – Definição do livro para a parte da nossa mente que pensa devagar, e que é responsável pela racionalidade.

Rápido e Devagar: As duas formas de pensar

Viés e Tortura de Dados

Esse post do Flavio Comim no Lies, Big Lies, and Statistics mostra que o viés do fator humano   é algo fascinante; ele mostra uma questão bem interessante: Como o governo define uma clásse média, sem considerar o custo de vida médio?

A resposta é: Torture os dados, e eleve a média desconsiderando a variável mais importante do estudo.

Viés e Tortura de Dados